Categorias
Sem categoria

Quimioterapia em Cães e Gatos

Quimioterapia em Cães e Gatos



Você sabe para que serve a quimioterapia?
Esse é um tratamento que é indicado para os peludos que são diagnosticados com alguns tipos de câncer.

Quando a quimioterapia é indicada?
-Cada problema de saúde que o pet apresenta requer um tipo de cuidado. No caso do câncer, a quimioterapia pode ser uma das alternativas de tratamento.

A ideia é sempre melhorar a qualidade de vida e aumentar a sobrevida do animal. Muitas vezes ela é associada a procedimentos cirúrgicos!

Seja qual for a aplicação determinada pelo médico-veterinário, é importante entender que a quimioterapia em cães é um tratamento sistêmico. Além de poder impedir que o tumor cresça, ela muitas vezes consegue diminuir o tamanho do câncer ou até curá-lo.

Quimioterapia e cirurgia: como funciona?

É possível que o tratamento quimioterápico seja administrado junto a outros protocolos, entre eles o cirúrgico.
Quando essa é uma opção, o médico-veterinário pode sugerir a realização da quimioterapia antes ou depois da cirurgia. Quando realizada antes, ela ajuda a diminuir o tamanho do tumor, fazendo com que o procedimento cirúrgico possa ter mais sucesso.

Já no caso de a quimioterapia ser realizada após a retirada do tumor cirurgicamente, ela visa eliminar possíveis células tumorais que estejam no organismo do pet. Nesses casos, a intenção é fazer o possível para que o câncer não volte a aparecer.

Existem efeitos colaterais?
Em pessoas, é comum que elas fiquem enjoadas e até se sentindo fracas durante o tratamento. Da mesma forma, é possível que seu pet tenha algumas reações, como:
• Vômito;
• Enjoo;
• Diarreia,
• Queda de leucócitos (células de defesa).
Na quimioterapia em cachorro cai pelo?
Todo tutor costuma se preocupar também com a queda de pelos, já que em humanos é comum que isso aconteça com os cabelos. Embora seja possível que o pet perca pelos, esse é um raro efeito colateral na espécie canina.

🚨Por isso o checkup é muito importante para seu animalzinho!❤️